CTeSP

Se quer fazer Formação Técnica Superior (CTeSP- Curso Técnico Superior Profissional) num Instituto Ensino Lusófona conheça toda a oferta disponível e as vantagens que os nossos institutos ISLA SANTARÉM e ISDOM lhe oferecem. Mas se quer estudar em Lisboa ou Vila Nova de Gaia aproveite as vantagens extra que o IPLUSO e o ISLA GAIA lhe oferecem:

IPLUSO
Instituto Politécnico da Lusofonia
  • Para inscrições e matrículas até 26.07.2022
    1º ano - 20% do valor da inscrição + 5% desconto na propina (Ano letivo 2022/2023)
  • Para inscrições e matrículas até 17.08.2022
    1º ano -20% do valor da inscrição (Ano letivo 2022/2023)
ISLA GAIA
Instituto Politécnico de Gestão e Tecnologia
  • Para inscrições e matrículas até 26.07.2022
    20% desconto na propina (ano letivo 2022/2023)
    Desconto aplicado ao 1º ano
  • Para inscrições e matrículas até 17.08.2022
    15% desconto na propina (ano letivo 2022/2023)
    Desconto aplicado ao 1º ano

Requisitos

Alunos em condições para se candidatar aos CTeSP

  • Titulares de um curso de Ensino Secundário ou equivalente.
  • Maiores de 23 anos que tenham sido aprovados nas provas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do Ensino Superior. Estas provas podem ser realizadas na instituição de ensino superior politécnico a que concorrem.
  • Titulares de um diploma de especialização tecnológica (CET), de um diploma de técnico superior profissional (CTeSP) ou de um grau de ensino superior (Licenciatura, Mestrado ou Doutoramento).

Condições

  • Campanha válida de acordo com as datas indicadas para os CTeSP e só para novos candidatos 22/23;
  • Não acumulável com outras campanhas, descontos protocolados com instituições, bolsas de estudo ou financiamento dos cursos;
  • Não dispensa a consulta e verificação das condições da campanha junto dos serviços académicos e de tesouraria;
  • IPLUSO Instituto Politécnico da Lusofonia
  • ISLA Gaia Instituto Politécnico de Gestão e Tecnologia

Nota: Campanha não acumulativa com outras campanhas ou descontos protocolados. A informação disponibilizada deve ser confirmada nos serviços académicos. É obrigatório subscrever a campanha para ter acesso ao benefício.